Home office nas Procuradorias Municipais:

a experiência de três municípios com sistema de automação

Em muitas instituições municipais, o trabalho remoto só se tornou uma alternativa por causa da pandemia de Coronavírus.

Esse modelo de trabalho surpreendeu tanto, que alguns procuradores se posicionam a favor da permanência do trabalho remoto, principalmente em função dos resultados positivos, como o aumento da produtividade. 


As Procuradorias Municipais de Juquitiba, Águas de Lindoia e Atibaia compartilharam a experiência do home office associada ao uso de um sistema de automação e revelam a realidade das procuradorias no momento anterior e posterior à automação.



Falta pouco para ter acesso ao eBook

Preencha os dados no formulário abaixo para ter acesso ao conteúdo gratuitamente:

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.